Meu peso





quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Agradecimentos

Hoje venho aqui só para agradecer pelo ano que passou... agradecer pela família que tenho, agradecer os amigos, as preces que recebi quando estava no hospital, as mensagens de apoio no decorrer de tudo, as visitas no hospital, as flores que ganhei, os presentes, abraços, beijos... agradeço também as injeções que me fizeram sobreviver, os remédios, os auxiliares, enfermeiros, médicos e tudo aquilo que me fez chegar viva e com saúde ao final de 2010... Agradeço por poder escrever, por poder comer, por poder beber e todo o resto que posso fazer!
Agradeço os kilos perdidos, as medidas reduzidas...
Agradeço a Deus por permitir que voltasse para minha casa e para meu marido e filhos!
Obrigada, meu Deus, obrigada, meus amigos, obrigada a todos que me leem meu blog... muito obrigada.

Feliz Ano Novo para todos e que todos fiquemos bem!!!

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Sim, é possível!

Olá, queridos amigos, hoje vou começar falando da coisas que são possíveis, coisas que achava que nunca conseguiria...
É possível passar o Natal e não ficar pensando apenas nas coisas boas que serão servidas... pela primeira vez a ceia de Natal foi a coisa menos importante para mim. Eu jamais poderia ficar sem comer um enorme pedaço da ave (ou peru) de Natal, enorme quer dizer, vários pedaços, coxas, asas, um pouco do peito (que mesmo sendo seco para meu gosto, eu tinha que provar), a bunda do bicho também era traçada, já que é a mais gordurosa... depois ficava "roubando" a pele da criatura, desprezada por alguns... tudo acompanhado de MUITO arroz, salada de maionese, e a famosa farofa da minha irmã, ah, gostava também do presunto com fios de ovos, o pêssego e o abacaxi em conserva para dar um gostinho doce no meio de tanto salgado... Descobri que posso comer um pedaço de peito (e agora acho gostoso) sem pele, do tamanho de 4/4cm, uma colher de maionese e meia de farofa... e ainda deixar no prato um pouco da maionese e da farofa... é possível viver sem arroz, e melhor, é possível não gostar de arroz! É possível não sentir vontade de beber coca-cola... é possível não beber cerveja... é possível ver os outros que tanto te criticavam (silenciosamente) olhar para ti com uma certa pena por comeres tão pouco (e rir disso)... é possível ganhar blusas compradas em boutiques de lojas de gente "normal"... é possível sentar na beira de uma cama que não é a tua e não ter medo de afundar o estrado... é possível abraçar as pessoas à meia-noite e sentir os braços delas dando a volta em teu corpo, é possível usar um vestido branco com verde e não se sentir um boneco de neve (pelo menos não tão gordo)... é possível escolher bem a sobremesa e não apenas comer de tudo o que está exposto... é possível gostar da gelatina servida de sobremesa... é possível não repetir a sobremesa... descobri tanta coisa... foi genial!

Mudando de assunto, ganhei vários presentes ótimos e dei outros tantos... meus filhos ganharam o que pediram e isso é o melhor! Minha mais velha ganhou uma guitarra rosa e chorou de emoção, emocionando a todos... ela ainda vai dar o que falar com sua música, já que com apenas 11 anos já faz chover com um violão. Meu pequeno ganhou uma metralhadora de esponjas, não queria dar uma arma para ele, mas não houve jeito e pude ver que ela serve para brincar mesmo, até eu dou meus tiros e gosto.

Depois do Natal na casa de minha tia amada, voltamos para casa no dia 25 ao anoitecer. Tudo tranquilo, até ontem à noite... incendio no meu prédio! Era em torno de uma hora da manhã e as luzes de apagaram, achamos estranho, já que no outro bloco havia luz... o temor surgiu após o cheiro de fios queimados e o horror se impôs ao vermos que os bombeiros foram chamados... pior, o alarme de incêndio, bem como as luzes de emergência estão em manutenção e não funcionaram... meu marido que havia descido para ver de onde vinha o cheiro, me ligou avisando para descer ao mesmo tempo que vi os bombeiros chegando... ele subiu correndo os DEZ andares de nosso prédio para descermos com as crianças e nossos dois gatos. Coloquei os bichanos em suas caixas de transporte (ótimo ter isso), peguei minha bolsa que fica pendurada na porta e descemos. Lá embaixo foi descoberto que a caixa de distribuição de luz (que fica no 4º andar)havia queimado inteira e já havia chamas se espalhando, mas os bombeiros apagaram rapidamente, entretanto, não havia luz nenhuma para retornarmos... como carrego sempre na bolsa a chave da casa de minha mãe, fomos para lá - ela estava fora - passamos uma noite bem atribulada, pobre do pequeno que tinha entrevista para ingressar na primeira série às 9h... depois de tudo os coitados foram dormir quase às 3h... mas ele foi forte, acordou sem brigar e foi para a entrevista, sendo muito elogiado, já que acabou de fazer 6 anos e lê tudo, ao ponto de ver filmes legendados sem problema algum e sabe somar e subtrair- o problema será da professora ao ter um menino que sabe tudo que irá ser ensinado em um ano inteiro!
Ao final da tarde, o problema no edifício foi resolvido e pudemos voltar para casa - graças a Deus - como diz no Mágico de Oz - Não há melhor lugar do que a casa da gente!!! Melhor ainda é ela estar inteira, com todos nossos bens e lembranças intactos!!!

Era isso por hoje, quero voltar antes do ano acabar para agradecer.
Beijos em todos
Fiquem bem.

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Natal

Meus amigos queridos, sei que ando afastada... mas graças a Deus é porque está tudo dando certo... minha alimentação está boa, apesar de ainda não ter muita vontade de comer salada, o espaço é pequeno e fica difícil comer de tudo um pouco...
Aproveito o momento para agradecer toda a energia positiva que ganhei nesse ano, todas as orações e desejos de recuperação - Deu certo!
Como havia comentado, vou passar o Natal com minha família na casa da minha tia em Águas Claras (Viamão), num paraíso rodeado pela natureza... nada melhor: amor, família, natureza e saúde!
Passarei por aqui antes do Ano Novo, de Deus quiser.
Beijos e Feliz Natal a todos!

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Galeto

Bom, antes de falar no galeto... fui visitar a Léti no sábado e tudo ótimo... ela já até colocou comentários na minha postagem anterior... está em casa, fazendo tudo direitinho, como manda nosso Dr. Weston.

Ontem fomos a Gramado ver o Show do Natal Luz - muito lindo, como sempre... meus filhos eram muito pequenos da última vez, mas agora puderam aproveitar bem mais. Estava a parte mais participativa da minha família, éramos em 10 pessoas.
Antes do show, fomos numa galeteria e consegui comer dois pedacinhos de galeto (daqueles "minu"), com um pouquinho de salada e H2OH (sim, agora eu bebo... dividi a garrafa com meu maridinho) foi ótimo... o que há de melhor na cirurgia é a sensação de saciedade, imagina se eu poderia ficar sem comer todas aquelas massas, polentas, pães, tudo regado com umas duas garrafas de refrigerante... isso sem falar que depois pensaria numa sobremesa...

Depois do show, retornamos a Canoas e no meio do caminho paramos para tomar um café num posto de combustíveis - eu tomei um capuccino - primeira vez desde a cirú... desceu legal e não deu dor depois. O detalhe é que não havia tomado o remédio da gastrite... teste feito com o aval do gastro e deu certo.

Desculpem me a demora em escrever, mas esta época é de correria para o Natal... amanhã minha mais velha entarará em férias e meu mais novo se formará no ensino infantil dia 18/12... depois virão as viagens para as festas - na casa da tia e da mãe... mas prometo que manterei o blog o mais atualizado que puder.

Beijos em todos. Especial na Annie, Jane, Lelê e Léti.
Fiquem bem

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

H2OH

Gente, hoje tomei uma H2OH de limão... resolvi fazer um teste... deixar para tomar refri somente no Natal é meio arriscado, vá que me dê uma coisa bem no dia... lá no meio do mato em Águas Claras (Viamão), longe do meu médico, da Santa Casa... meu maridinho comprou uma e me deu de "presente", no intervalo da arrumação da festinha do meu baby e o início da bagunça... estávamos nós e minha mãe... suspense... coloquei uns dois dedinhos num copo e bebi... simplesmente foi maravilhoso!!! Como tem pouco gás, não senti nada, apenas algumas borbulhas na língua e desceu super bem... não vou sair tomando refrigerante por aí, nem mesmo H2OH, mas o fato de ter tomado, me dá segurança e apenas o fato de saber que posso e não morro, não sinto dores e não tenho dumping me faz sentir mais normal ainda...
Isso tudo parece uma bobagem para muita gente, o problema é que como sou uma pessoa que busca muita informação na internet, acabo lendo muita coisa boa, mas encontro coisas horrorosas, que no fim para mim, se tornam mitos quebrados... como o meu primeiro espirro depois da cirurgia - levei uns dois meses até não conseguir mais segurar -sempre que tinha vontade de espirrar, gritava para quem estivesse por perto e fazia com que a pessoa dançasse, pulasse, tudo para me atrapalhar a vontade (sou daquelas que qualquer coisa, perco o espirro), mas um dia, o espirro veio sem aviso (acho que foi vingança), ele se acumulou por dois meses e um dia - pluft... e nada, não senti nada, pelo contrário, depois da cirurgia, meus espirros parecem mais suaves.
Assim, mais uma opção surge... porém vou continuar bebendo minha água, meus sucos e leite (outro mito que faz mal para muitos - no orkut - e para mim, desce que é uma beleza), estou apenas feliz por saber que posso. Ah, depois disso, até passou a vontade de coca-cola!!!

Beijo especial no Dudu - querido amigo que conheci no CTO - futuro operado!!!
Beijocas no Cláudio - Herman, Tchaca Oganza Bizaza puka pakuni.
Beijos enormes na Jane - mana, depois do ano novo, vou te visitar!!
Um upa lelê na Lelê - prometo por fotos no orkut também... sempre esqueço!
Beijinhos nos demais.
Fiquem bem.

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Notícias da Léti e minhas

Ontem a Letícia - Léti - se operou. A cirurgia foi um sucesso. Hoje ela já até me telefonou... já foi para o quarto e está super bem... sentiu dores, mas é pela complexidade da cirurgia, pois além da redução do estômago, ela retirou a vesícula e "consertou" uma hérnia que havia surgido depois da primeira redução que havia feito há dois anos - ela já havia sido submetida a outro tipo de redução de estômago, pois na época seu organismo não aceitaria a que tem sido feita (como a minha). Devo visitá-la no sábado.
Foi ontem, também, o aniversário de meu pequeno... recebi apenas a família para uma pizza. amanhã farei uma festinha só para os amiguinhos na escola... ele tá adorando, pois o aniversário está durando dias...
Eu estou excelente, claro que eventualmente dou uma vomitadinha básica, mas nada demais... e realmente não posso ficar sem tomar o omeprazol, hoje não tinha o remédio (esquecimento) e depois do almoço as dores começaram um pouquinho, mas o marido providenciou logo o remédio e depois de tomá-lo, logo voltei ao normal.

Ah, fui tentar colocar a calça que comprei no ano passado... na calça dizia ser 52 e acabei comprando sem experimentar e olhar direito... ela mal passava dos joelhos e trancava... na verdade ela era menor que uma 48 velha que tenho (muito velha, usada em 2007, depois dos vigilantes)... GENTE, ela coube!!!!!!!!! Em comparação a uma 52 que no início do ano não cabia mais em mim, dá mais de um palmo de diferença quando coloco uma sobre a outra!!
Minha irmã pegou minha coleção de calças 52 junto com a nova e levou para ver se a costureira dela consegue fazer algo... são calças muito boas e não tenho e não quero gastar com roupas nesta fase intermediária, já que faltam mais de 20 kgs para minha meta. SAÍ DA CASA DOS 90!!!!!!!!


Por enquanto era isso.
Beijos no povo.
Fiquem bem.

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Deu tudo certo!

Hoje tive minha consulta com o cirurgião. A Léti foi comigo (querida... quarta é teu dia...).
Bom, foi ótimo vê-lo - ele simplesmente me tranquilizou totalmente. A fístula que existe não é de maneira alguma perigosa, é uma ligação entre os dois estômagos, algo que se formou na fístula que vazava e que pode-se ver bem cicatrizada. Sobre o escape de alimentos para o estômago grande, quase impossível, já que o buraco é bem pequeno, comprovado pela perda de peso que está excelente... o estreitamento é proposital, ou seja, está do tamanho que deve ser, assim evita-se que se coma mais do que se deve... está tudo ótimo e de acordo com ele, nunca devo me incomodar com isso... e o melhor, se estivesse complicado emagrecer por fuga de comida para o outro compartimento, ele poderia consertar por endoscopia mesmo... mas não é necessário. A média de perda de peso é 6kg por mês, já que foram exatos 36kg em 6 meses... mas devemos lembrar que na verdade é mais, porque passei mais de mês no hospital, fazendo uso do coquetel da NPT, que é hiper calórico... assim está maravilhoso, já que abandonei o número 54/56 para o 48... nem acredito...

Mudando de assunto:
Como falei, quarta é o dia da Léti - ela irá se operar dia 01/12... mas tá super tranquila, uma vez que ela já fez uma outra cirurgia de redução de estômago há dois anos, agora ela deverá fazer uma igual a minha... da outra vez a recuperação dela foi excelente, desta vez será melhor ainda... devo aparecer lá no hospital para vê-la no sábado, já que meu filhote está de aniversário dia 01/12 e farei uma festinha para os coleguinhas na escolinha dele na sexta - dia que ela deve ir para o quarto. Mando muita energia e pensamentos bens nesat hora para minha amiga!!!!

Obrigada pelas mensagens deixadas. Beijos especiais na Lelê, Claudinho, Jane, Patrícia e Célia.
Beijocas no pessoal que conheci no CTO, principalmente no Dudu - que logo estará chegando sua vez!!!
Uma enorme beijo de sorte na Léti!

Fiquem bem.
Beijinhos nos demais.

domingo, 21 de novembro de 2010

Endoscopia... fístula...

Pois é, demorei a escrever, a preguiça me pegou... mas aqui estou novamente...
Depois de ir ao Weston, fiz a endoscopia solicitada, já no mesmo dia peguei o laudo que falava em fístula, achei estranho e marquei com o gastro, já que a próxima consulta com o Weston é somente dia 29/11...
Coisas de Jaqueline... sabem que comigo as coisas realmente são complicadas... sempre acontece algo... minha cirurgia ficou diferente do que deveria ser... tenho uma fístula, diferente daquela que me deixou hospitalizada por um montão de tempo... essa, pelo o que diz o médico, não é perigosa e não vaza para fora do corpo, vaza para dentro do outro estômago... ãhhh? Como assim? É, em vez de ter dois estômagos separados, eu tenho dois ligados por um canal (que é a fístula), como o número oito, a comida, principalmente os líquidos, podem escapar e escapam para o estomago grande... isso poderia atrapalhar meu emagrecimento, já que esse alimento passa pela parte do intestino onde há a absorção normal... mas... sim, há um mas!!!! Tenho um estreitamento na entrada do intestino do estômago novo, o que me causa a sensação de saciedade bem rápido e me "atola", não permitindo que eu coma mais do que deveria... isso seria facilmente resolvido numa endoscopia, mas acaba compensando o escape da fístula... como meu emagrecimento está excelente e essa fístula não é do mal, o gastro disse que não é preciso fazer nada, não há risco nenhum... no mais, meu esôfago e estômagos estão em perfeito estado, nem gastrite eu tenho... as dores sentidas no último mês foram refluxo e assim, nem os remédios para gastrite são obrigatórios, posso usar se sentir dores pelo refluxo, o qual só sinto quando tomo café com leite à noite.
Com isso tudo, chego à conclusão que sou quase sempre a exceção de tudo... ou pelo menos me enquadro nas minorias... sou da minoria que teve fístula... minha fístula surgiu sem causa, já que nem água eu havia tomado... sobrevivi a uma pressão de 32/28 e não senti nada... o buraco do meu dreno não queria fechar.... meus pontos inflamaram e tiveram que se fechar abertos.... meu dreno teve absesso... felizmente não tive dumping (não poder comer doces de maneira alguma - o que é bem comum para os operados - eu posso... isso valeu a pena...) e agora tenho um oito no lugar do estômago... mas juro, gente, se isso realmente não prejudicar minha saúde, assim vai ficar... mesmo que não emagrecesse, entrar na faca outra vez para corrigir algo que está funcionando, não faço, prefiro ficar gorduchinha, mas viva!!!! O médico disse que perigo não há mesmo, posso é não emagrecer como deveria... algo que é compensado pelo estreitamento... cirurgias, agora só para levantar o que cair.... e olhe lá, já que as coisas estão indo pro lugar certo!!!!
Como disse antes, dia 29/11 tenho meu cirirgião, mas acho que ele dirá o mesmo que o gastro...

Mudando de assunto, conheci um monte de gente legal no CTO, todo mundo buscando a cirurgia... estou apoiando todo mundo... mesmo com todos os percalços, cada um é um... eu é que sou problemática mesmo... mas estou aqui, vivinha, saudável e mais magra.... e reclamar em cima de leite derramado não é comigo mesmo!!!
Ah, minha amiga Letícia vai se operar dia 01/12... contagem regressiva... Vamos que vamos!!!
Outro ah, fotos para comparar o antes e o agora...








Era isso.
Beijos em todos e fiquem bem.

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Nova consulta

Hoje fui ver meu cirurgião... teria consulta apenas no final de novembro, mas na semana passada havia sentido algumas dores no peito e liguei para o CTO para consultar com meu doutor.
Eu comecei a sentir uma dor forte no peito, uma coisa bem assustadora para quem teve uma pressão de 32/28 no hospital... a única coisa que me acalmou foi o fato de mesmo com dores muito fortes, quando media não apresentava nada muito anormal - cheguei apenas num dia de muita dor a 16/12 - o que para mim não me assustou, nos demais dias mantinha 12/8 e até 11/7... lendo muitos blogs, comunidades no orkut e falando com pessoas amigas, descobri que a dor poderia ser gazes, comecei a usar dimeticona em gotas e as dores alcalmaram-se, mas mesmo assim, fui ao médico para confirmar - Graças a Deus, parece que se confirmou o que li e o que me foi falado, de acordo com ele, é normal o acúmulo de pressão bem na "boca" do estômago, logo ao final do esôfago, onde fica o primeiro corte do meu estômago novo, acrescido do fato do comprimido de vitamina poder ter "arranhado" na descida, já que as dores começaram depois da injestão daquela coisa enorme (já havia falado que deveria ser chamado de expandido...). Ele aproveitou e mudou minha medicação para gastrite, me dando algo mais forte, estava tomando ranitidina líquida e agora tomarei cápsulas de omemprazol, além de manter a dimeticona (luftal) como dose regular 2x ao dia. Foi autorizada minha endoscopia, para descarte de qualquer dúvida, ele havia dito anteriormente que deveria ser feito apenas com seis meses de cirurgia por ter tido meus problemas ( o normal é em três meses), mas como já passei dos cinco e meu estado de saúde está bem legal, posso fazer agora.
Foi bom vê-lo hoje, sempre fui do tipo de pessoa que já melhora ao ver o médico... como eu já estava me sentindo melhorantes da consulta, hoje serviu para concretizar mais a minha confiança na total recuperação.
Ah, o legal foi que a Léti foi comigo na consulta, pudemos colocar a conversa em dia e a espera pela consulta foi bem proveitosa.
Era isso por hoje.
Fiquem bem.

terça-feira, 19 de outubro de 2010

Dia muito legal!

Comecei o dia de hoje caminhando com minha irmã, foi muito bom... já começo a sentir mais fôlego, antes eu só conseguia dar quatro voltas no parque onde caminhamos, hoje consegui dar cinco voltas pelo mesmo período de tempo, as dores nos joelhos simplesmente desapareceram, é óbvio que isso ocorre porque estou bem mais leve, mais preparada fisicamente e com mais vontade ainda... a perda de peso faz milagres no corpo, mas faz coisas incríveis com a mente também! O melhor de tudo é que com certeza poderia ter até conseguido mais uma volta, mas nosso tempo era curto, o jeito é aumentar a velocidade com o tempo... apesar de já dizer que não irei correr, já que não faz meu estilo...

À tarde, fui ao Shopping Total em encontrar com a Léti, amiga que conheci pouco antes de me operar, no encontro das "borboletas" e futuras borboletas realizado pela Grazi. Conversamos muito - das 13:30 às 16:00 - deu para botar a conversa em dia, falamos principalmente sobre a cirurgia, já que nosso médico é o mesmo, mas o principal foi que realmente me diverti com ela. Já combinamos de repetir a dose na próxima semana.

Adorei ler os comentários deixados pelas amigas Gerusa, Lelê, Anne (nova seguidora que tem um blog que também sigo) e da mana amada, linda e cheirosa Jane!!!
Ah, só uma observação - como a Lelê sempre reclama que apareço de preto nas fotos - Não, não sou emo (nada contra...), mas sabe como é cabeça de gorda: "preto emagrece", assim, simplesmente mais de 90% das minhas roupas são pretas e ainda não chegou o momento de começar a comprar roupas novas, então estou usando o que tenho mesmo, tenho ajustado as calças, usado muito legging e minhas blusas que pareciam baby look, agora são apenas camisetas comuns (se Deus quiser, logo serão camisetões)... além do que, coincidência ou não, quase nunca tiro fotos e quando tiro, estou de preto... Prometo que irei colorir meu guarda-roupas assim que valer a pena...

Beijos em todos.
Fiquem bem.

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Notícias

Bom, fiquei um bom tempo sem escrever ou atualizar o blog... estava um pouco preguiçosa com o computador... vamos aos acontecimento mais marcantes do período em que me afastei daqui.
Deveria ter consultado com a nutricionista, mas não consegui - o que me enfureceu - e causou a vontade de trocar de nutri. Minha consulta seria no dia 01/10, às 15:00, saí de casa às 13h, meu melhor amigo foi junto... saímos cedo porque enquanto eu consultasse ele iria na UFRGS, mas... naquele dia, a ponte do Guaíba apresentou problemas, a fila de entrada para Porto Alegre estava na frente da praça do avião em Canoas - ou seja, a uma quadra da minha casa!!! Como conheço bem o trânsito daqui, fui pela "rota alternativa", a Guilherme Shell... mas é óbvio, que muitos também iam por ali... às 14:45 eu estava na Farrapos, bem próximo ao acesso à Santa Casa, liguei para o CTO e avisei que poderia me atrasar - tudo bem... me disseram. Exatamente às 15:05 apertei o botão que dá a senha de atendimento no Hospital Santa Rita, onde fica o CTO, peguei o número 303 - eles chamavam o 293 - falei com o atendente sobre a consulta... ele disse que todos estavam sabendo que a cidade havia parado, inclusive pela obra do túnel... que deveria esperar meu número - às 15:25 me chamaram, o rapaz (o mesmo de antes), fez cara feia ao pegar meus papéis e resolveu ligar para o consultório da nutricionista para dizer que eu havia chegado... ela simplesmente mandou o recado que dá apenas 20 minutos de tolerância e não me atenderia mais naquele dia!!!!!!! Gente, fiquei furiosa, depois de tudo o que passei na estrada, o pior, depois que lembrei que aquela "senhora" já me fizera esperar várias vezes por mais de 45 minutos para ser atendida, mesmo tendo hora marcada... tenho certeza que ela nem devia ter me chamado ainda!!!! Fico indignada com a falta de consideração e coração... ela poderia ter simplesmente mandado me entregar o plano alimentar de agora!!! Ela já tem tudo impresso sempre... o pior é que agora só conseguirei ver uma nutricionista em novembro ou depois... ou seja, estou por mim mesma!!! mantenho a dieta anterior, evitando doces, frituras, temperos, café, refri, etc.
Me dei conta que no período em que estava no hospital, inclusive na UTI, o meu cirurgião me disse que pediria para meus médicos e nutri me verem, até a psiquiatra foi no meu quarto, menos ela... quando comecei a me alimentar, ele ligou do quarto para a secretária e pediu que ela falasse para a nutri para abrir uma exceção e ir ao meu quarto, por ter tido a fístula e todas as complicações... ela nem ligou para o quarto!!! Depois, nas consultas parecia ser um anjo, toda carinhosa e preocupada, dizendo que estava sempre perguntando por mim... sei... Ai, que ódio!!!!
A clínica só tinha agenda para o meio de novembro também... e meu cirurgião só marcou nova data para o final de novembro... então... ainda bem que sou bem controlada e a internet ajuda bastante nas dúvidas que surgem.

Mudando de assunto... meu amigão foi embora na semana passada... todos matamos a saudade, principalmente e Pedro, já que ama o dindo dele.

Minha mãe se operou - coisas de beleza - e está ótima!!! Fui visitá-la no final de semana, já que ela se recupera na casa da minha tia em Viamão (Águas Claras), depois do que vi, acho que me arriscarei e farei as plásticas que irei precisar... o tempo faz a gente esquecer toda dor e sofrimento de um hospital...

Comecei a caminhar para valer, minha irmã que mora em POA, vem até aqui para ir comigo - apoio é tudo!!!! Temos em Canoas um parque muito bom para caminhadas e depois do período hospitalar chatinho que passei, a mana resolveu que quer passar mais tempo comigo - o susto de quase me perder nos ligou ainda mais - maravilhoso!!! Viram só... tudo tem um lado bom... quando crianças e adolescentes éramos quase inimigas, hoje ela é a minha melhor amiga... minha inspiração (ela é linda demais!), meu aconchego e foi uma mãe para meus pequenos quando precisei.

Minha outra irmã, de Imbé, veio aqui me ver... é a alegria em pessoa, impossível não levantar o astral com ela, linda, maravilhosa, cheirosa, tudo de bom... pena que mora "longe".

Na sexta comemorei (sem comer) 18 anos de "casada"... no dia 09/10/1992 eu me mudei para a casa do meu amor... para o desepero da maioria... já que estávamos juntos há 2 meses e nos conhecíamos há 4 meses... meu pai, o melhor pessoa que já conheci, disse: Vai, e seja feliz, se não der certo, volta que o pai tá aqui te esperando!!! Deu certo!!! Hoje, as pessoas me dizem que não conseguem nos imaginar separados, que somos o casal que nasceu para ficar velho juntos... que assim seja!!! O tempo passou, estamos mais maduros, envelhecidos (pouca coisa...), eu mais gorducha (por enquanto), ele continua usando as mesmas calças 40... dois filhos lindos, um gato chato e ranzinza (de 14 anos), muita coisa mudou, mas eu ainda olho para ele e vejo o amor da minha vida como eu vi há 18 anos... dizem que um casamento dá certo quando o outro ainda te faz rir... o Anderson me mata de rir... na maioria das vezes só com o olhar... a gente sabe o que o outro quer dizer sem falar, sem abrir os olhos pela manhã... somos completamente diferentes e completamente iguais, nossos gostos são diversos, mas sempre achamos algo que ambos gostem... e o melhor de tudo, meu coração ainda dispara ao vê-lo todos os dias!!!

Depois da declaração de amor, vou deitar... ao lado do meu bem!
Beijos carinhosos em todos.
Fiquem bem.


Ah, vou colocar uma foto tirada com minha irmã de Imbé. Já que reclamam não atualizo as fotos...

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Reconsulta com o cirurgião

Fui ver meu médico na segunda. Foi bem legal vê-lo e receber elogios para o Coiso e a Cicarelli... de acordo com ele, tanto o Coiso como a Cicarelli não deverão me incomodar nunca mais. Gostou do meu emagrecimento (31Kg) em 4 meses de cirurgia, mesmo depois de mais de mês no hospital, com a NPT (Nutrição Parenteral) extra calórica ligadinha a mil no pescoço...
Aproveitei e visitei a Meri... ela está ótima!!!! Lá estava sua outra metade... a Micheline - sempre que vejo uma, a outra está junto - adoro essas meninas... fui rapidinha na visita, já era hora do almoço e meu estômago reclamava a falta de comida... enganei o bichinho com uma barra de cereal e vim correndo para casa.
Minha alimentação está bem melhor... resolvi ignorar a ânsia que sinto ao mastigar arroz... é muito difícil comer sem arroz ou massa e ambos fazem parte do dia a dia da minha família... ficar comendo todos os dias polenta... é um saco!!! Assim, como arroz e feijão, mas definitivamente já não é minha comida favorita... como no máximo uma colher de sopa de cada um e só, se forçar mais um pouco, corro como louca pro banheiro para chamar o "hugo", carne também é só um pedaço pequeno... Ontem fiz sopa, ai... que maravilha... consigo comer pão também... então faço a dupla: sopa com pãozinho... hummmm.
Na sexta tenho consulta com a nutri, não sei o que pode ser mudado na alimentação, já que como praticamente de tudo, evitando condimentos fortes, refrigerante, café e embutidos... com certeza ela não irá acrescentar esses alimentos na minha dieta!!!
Ah, encontrei a Leti no CTO... muito bom rever gente amiga!!! Vamos combinar de nos reunir com a Lelê para matar a saudade. Tenho certeza que até outras meninas irão querer estar junto conosco!
Observações com recados:

- Ane, vamos nos encontrar!!! Como está para comer? E a cicatrização? Conta!!!! Escreve um blog!!! Beijos!

- Janinha, tô com saudade de ti, mana!!! Quando vens para Canoas? E aí? babando muito com a espera do baby? Imagina quando nascer... que vó mais babona!!!

- A Gerusa montou um blog... logo colocarei na relação dos blogs que sigo. É bom escrever, né, Gê? Melhor é ver que tem quem leia!!! Beijocas e boa sorte em tudo!

- Lelê... bom, já até falei que quero te ver!!! Tu já emagreceu muito!!! Por isso fica mais lento continuar emagercendo, mas chegamos lá!!! Eu vivo tendo platôs... na TPM, fico mais de 10 dias sem emagrecer um grama - só não como doce!!!!

- Nati, sei que tu lê meu blog... quando vocês virão aqui? Teus cunhados, teu sogro e eu estamos com saudade, sua chata, pulguenta!!! Quero ver meus outros dois amores!!!

Povo, era isso... beijos nos demais!!!
Fiquem comn Deus.

domingo, 26 de setembro de 2010

Voltei

Voltei de São Paulo... podre de cansada! Até meu pé sangrava quando cheguei em casa. Saímos de POA às 7:30 pela Webjet, lá pelas 9:30 já estávamos em Guarulhos, compramos passagens para São José dos Campos no próprio aeroporto e fomos para lá. De São São José pegamos um outro ônibus para Aparecida às 11:30. Chegamos lá e foi lindo!!! O lugar é maravilhoso. A Igreja é enorme e tem uma mística no ar... deu uma paz enorme poder rezar e agradecer em frente a imagem da santa. Fizemos umas compras de lembrancinhas do local, é óbvio... Depois pegamos um táxi e fomos para Guaratinguetá, o taxista fez um tour conosco (eles fazem isso com preço fechado desde Aparecida), conhecemos a Igreja e a casa de Frei Galvão, o santo brasileiro, muito legal, porque foi sem programar essa visita, mas eu havia ganho uma medalha do santo quando estava no hospital e ficava com ela o tempo todo, então pude agradecer a ele também e saber mais sobre sua história. Comprei lembrancinhas de lá, muito legal!
O mesmo táxi nos levou novamente a Aparecida e pegamos um ônibus para São Paulo - terminal Tietê. Lá, pegamos o metrô e fomos para a estação Paraiso, perto do nosso hotel. Chegamos lá às 21:00. O hotel é bem simples, mas muito gostosinho, bem pertinho da Avenida Paulista e do Shopping Paulista (bom para passear e comer bem), na esquina do hotel há uma padaria-loja de conveniência que funciona 24h, servem buffet variado e sopa, muito bom.
No dia seguinte começou a maratona de comprinhas: Bom Retiro, Centro, Brás... voltamos para o hotel já estava escuro, ainda saímos para o shopping e depois comemos na padaria. Na quinta, era o dia de voltar, mas como seria somente à tarde, ainda fomos na Liberdade e compramos mais lembrancinhas para a família. Às 14:15, pegamos um ônibus no terminal Tietê e seguimos para Guarulhos, nosso vôo saiu de lá às 16:05. Em Porto Alegre tudo estava parado pelo trânsito e pela chuva, então pegar um táxi para Canoas seria uma loucura, pegamos um ônibus interno dentro do aeroporto para a estação do Trensurb. Ao chegar na estação Canoas, peguei um táxi e vim para casa, cheguei às 19:00 aqui... doía tudo, mas a dor só apareceu ao chegar mesmo, enquanto estamos longe, o corpo ajuda a ir para casa e não reclama! Na sexta, rotina normal de colégio para os filhos, e coisas de casa. No sábado, minha irmã fez uma festinha para comemorar o aniversário da filha dela que é nesta semana, fui cedo para ajudar a decorar e organizar as coisas, já que a festa era durante o dia inteiro e incluía gincana para a gurizada - somente adolescentes! Voltei para casa às 18:30... o corpo voltou a doer... acabei dormindo cedo para meu padrão, logo após a meia-noite, hoje levantamos às 10:00, tomei café e voltei para a cama para ficar deitada apenas, estava com dor de garganta e frio, depois almocei e voltei a dormir, agora acho que descansei, apesar do calcanhar ainda latejar. A garganta melhorou, mas tenho a impressão de ter pulado quatro noites de Carnaval... parece que meu cérebro está solto dentro da cabeça, sinto uma preguiça... e o dia nublado dá mais desânimo ainda!

Meu melhor amigo está em Canoas, já veio aqui e deve vir hoje de novo.
A Meri finalmente se operou!!!!!! Ontem liguei para ela e, graças a Deus, deu tudo certo... amanhã tenho consulta com meu cirurgião e vou tentar visitá-la, o problema é que terei que ir ao Hospital Militar antes porque na sexta esqueci de pegar a autorização de consulta do plano, a consulta é às 11:15, acho que se conseguir sair bem cedo, dá tempo de tudo... o problema é que tenho que voltar logo para levar a pequena à escola... se a mãe estiver por aqui, ela faz isso e posso ver a Meri depois.

Era isso.
Beijos, principalmente na Lelê, que foi a única que deixou comentários.
Fiquem com Deus.

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

São Paulo

Amanhã pela manhã estou indo para São Paulo, como já havia comentado... vou a Aparecida para pagar promessa por ter saído "inteira" do hospital, depois vou para a capital... fazer uma comprinhas básicas. O melhor são as companhias: minha mãe e dois irmãos dela - uma tia e um tio - muito divertidos!! A viagem é rápida, volto na quinta à noite, mas dá tempo de fazer muita coisa, até porque é o terceiro ano consecutivo que vou para lá e já conheço um pouco do lugar e onde ir. Preciso voltar logo para meus bens... minha familía me faz muita falta!!!

Começou a queda do cabelo... sabia que a partir do terceiro mês aconteceria... cai bastante mesmo, mas como tenho uma quantidade razoável, acho que careca não ficarei... vamos ao lado positivo (como sempre) o volume diminui, gasto menos shampoo e condicionador e não acordo como o rei leão como sempre.

A Meri não se operou!!! Agora ela não foi anestesiada, avisaram-na no dia anterior que não haveria leito e ela teria que ficar na sala de recuperação, sem visitas, caminhadas - então adiaram novamente a cirurgia... Que chato!!!! A menina tirou férias do trabalho para se operar no dia 06, adiaram para dia 17 por falta de um equipamento, depois por falta de leito... deverá ser operada dia 24/09, já quase no final das férias!! A Santa Casa tá errando demais!!! Fica um alerta para quem vai usar os serviços de lá... a Meri não frequentou o CTO, mas foi direto pelo consultório do Dr. que usa a Santa Casa para as operações, o plano dela é Unimed.

Hoje apertei umas calças minhas... não quis comprar nada novo para a viagem, então sentei em frente à máquina de costura e ajustei dois jeans que não podia mais usar, tive que ajustar quatro dedos, ficou bom, mas já dá para ver que em alguns dias já ficarão grandes demais também e mais ajustes ficarão estranhos... elas estão bem folgadinhas mesmo com os apertos que fiz - quero é poder dar logo estas roupas!!!!

Meu melhor amigo chegou ontem em Porto Alegre e virá hoje aqui, vamos matar um pouquinho a saudade antes de eu ir viajar, ainda bem que ele ficará até outubro por aqui...

Era isso,
fiquem bem!!!
Beijos.

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Reclamações

Depois de receber algumas reclamações por não ter mais atualizado o blog... voltei! Voltei não é bem a palavra... já que não havia ido a nenhum lugar específico, mas voltei ao mundo virtual!
Não há muita novidade na minha vidinha, continuo fazendo tricô como uma louca, agora já usando linhas em vez de lã... preparando o enxoval da meia estação.
Mas vamos ao que interessa:
Dia 17 a Meri se opera, depois de já ter inclusive sido anestesiada, a cirurgia foi adiada porque "faltava um equipamento" - sei lá o que que faltou, mas bem esquisito isso!!! Vamos ver pelo lado positivo, o médico foi super responsável ao fazer isso antes de ter aberto nossa amiga... podiam apenas ter evitado o desgaste da anestesia - imagina acordar toda feliz, e ver que tá tudo igual - feliz é um termo meio inapropriado para o caso, já que ao acordarmos depois da cirurgia, a dor é tanta que nem lembramos que fizemos a operação, achamos que uma caminhão passou por cima da barriga... usei a palavra feliz, porque me sentiria assim se acordasse e não sentisse dor nenhuma - pensaria: - Nossa! Não dói nada... como esse povo exagera... Pretendo fazer visita no hospital para ver a borboleta!!!
Outra notícia boa... serei tia avó - a filha da minha irmã mais velha (de Imbé) tá gravidinha... coisa fofa!!!
Meu melhor amigo - Cláudio - padrinho do nosso pequeno, chega nessa semana a Porto Alegre, vindo de Portugal, onde mora há anos (para minha tristeza... snif), ele veio para o Brasil dia 11/09 (que dia para pegar avião...) e passa uns dias no RJ para depois passar uma pequena temporada por aqui - vamos matar a saudade, coisa boa que acontece uma vez por ano!!!!
Vomitei um pouco nessa semana, como sempre... mas estou conseguindo me controlar um pouco mais.
Na questão comida diferentes - comi um pão francês - cacetinho para nós gaúchos - na verdade comi meio pão, com cream cheese light - minha nossa... havia esquecido o quanto isso é bom!!! Hoje consegui ingerir uma meia colher de sopa de arroz com feijão, realmente acho que arroz me enfara, não sinto nem vontade de comer, mas como devia me alimentar e não tinha tempo e nem "saco" para cozinhar algo diferente, mandei ver... ah, e comi umas três batatas fritas junto - ninguém é de ferro por tanto tempo... arrisquei e desceu legal.
Deveria ter tido médico na segunda, mas foi adiado para dia 27. Não teria muito sobre o que falar, já que o coiso e a Cicarelli estão do mesmo jeito... se comportando bem, graças a Deus!!!
Na próxima semana deverei ir a São Paulo, tenho que ir a Aparecida para pagar promessa feita na época do hospital... oh tempos difíceis... vai ser legal, principalmente pelas companhias: minha mãe, minha tia e meu tio... todos completamente malucos... já estão perguntando se aguentarei a maratona de compras que eles pretendem fazer em São Paulo capital... acho que vou ficar no hotel sozinha nestas horas... vai que eles passam o dia inteiro na correria... é bom caminhar, mas minhas pernas cansam, a falta de comida me deixa exausta facilmente.
Outra novidade alimentícia, tenho que beber leite todos os dias antes de dormir, senão acordo com dor de estômago... isso ocorre porque durmo tarde e faz tempo que jantei, fico depois da janta só nos iogurtes e lanchinhos, então o leite dá uma forrada.
Obrigada pelos comentários da foto... beijos em todos.
Fiquem com Deus.

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Uma foto apenas


Não tava com saco de trocar de roupa, então vai apenas uma fotinho com o novo cabelo.

Gripe ou peste?

Credo!!! Gente, a tal gripe que me pegou está viva ainda!!! É uma peste!!! As dores no corpo continuam, a tosse e espirros me atormentam - imaginem tossir como uma condenada com o estômago cheio de grampos... dói bastante!!! Minha barriga está em pandarecos... ah, para completar, agora não sinto gosto de nada, mas nada mesmo!!! Fiz uma pizza de sardinha (daquelas da época da infância e festinhas no colégio), dizem que está ótima, comi um quadrado de 4/4cm, podia ter a cobertura de sola, de cocô ou corrimão de escada do trem, que para mim, o sabor seria o mesmo - simplesmente não senti o menor gosto de peixe. Como por obrigação apenas, esta maledeta gripe me enjôa. Meus lanchinhos de activia podiam ser substiuídos por xixi do gato que ia dar no mesmo!!! Ai, que ódio... logo agora que estou me adaptando melhor aos alimentos, nunca mais vomitei, nem babei... mas, é a vida!!!
O maridinho ainda está se recuperando, disse que começou a sentir sabores hoje, não teve mais febre, apenas a tosse persiste. As crianças também pegaram a porcaria, mas graças a Deus, foi bem fraco e já estão melhores. Esta deve ser a gripe idosa (só pega os mais velhos).

Amanhã tenho nutricionista, já falei que devo sair da dieta branda... mas não deve mudar muita coisa... eu só penso no dia que ela me liberar um copinho de coca-cola, ai, que saudade!!!! No Natal, com certeza poderei beber uma coca geladinha... chego a sonhar com o "aaahhh" depois do gole e para completar, um arroto (que nojo) depois - sim, com certeza o arroto virá, pois se hoje, o que mais faço é arrotar depois de comer, imagina ao beber algo com gás.

Mais uma amiga se operando!!!! A Meri virará borboleta no dia 06/09, com meu doutor!!! Amiguinha, força e vamo lá!!! Te visitarei se já estiver curada desta coisa que me pegou!! Adorei saber que a Micheline ficará contigo, é bom ter um apoio desses... amigona, hein?!

A Ane já está bem em casa, agora termina de se recuperar ao lado das filhas e da mãe, então será mais rápido agora.

A Gerusa quer marcar um encontro, minha linda, basta dizer onde que eu vou correndo!!! Basta melhorar desta coisa... a Ane podia receber nossa visita e aproveitamos para nos conhecer pessoalmente.

Era isso, minhas costas me matam...

Ah, cortei os cabelos... e fiz uma progressiva... melhor mexer antes que comece a cair mesmo!!! Fiz um chanel a la Fátima Bernardes - a família adorou... mas eles são suspeitos... eu gostei, ficou mais prático e elegante. Tirarei fotos assim que possível.

Beijos em todos.
Fiquem bem.

domingo, 29 de agosto de 2010

A gripe pegou

Tô numa gripona... dor no corpo, na cabeça, espirros e tosse... peguei do maridão, que por sua vez deve ter pego do cunhado - o detalhe é que eles não se vêem há dias - então digo que ele pegou a porqueira por telefone ou pela web! Eu não tenho febre, na verdade, a última vez que tive febre eu era adolescente! Nem na época do hospital, onde tudo estava desabando, eu fiquei febril... é meio estranho. O maridovski chegou a 39 e eu cheguei ao máximo de 37,3 graus!!! Meu pequenininho já começou a queixar-se de dor de cabeça e está com tosse... já vi que a semana vai ser dura! Pensamento positivo: se estamos na chuva é prá se molhar - se estou viva, é normal ter gripe com as mudanças de temperatura - Viva a gripe!! Boa desculpa prá ficar quietinha com meu benzinho, vendo muita TV, tomando apenas remédio para as dores e se hidratando.

Vamos ao que interessa. Fui ao médico. Não pude ir na endócrina por causa do maridinho dodói... no dia ele estava totalmente debilitado, passou o dia na cama com febre. Homens costumam ficar bem mais sensíveis que nós... eu não poderei deixar de levar a mais velha para a escola, nem deixar de dar comida prá eles... doente, mas seguindo a vida! Na verdade, até é bom mimar meu amor... depois do que fiz ele passar enquanto estava no hospital, depois em casa... remédios na hora certa, banhos, curativos, massagens, carinhos... tudo ele me deu... agora é minha vez!

Na sexta fui na clínica geral, meus exames realmente estão bons, mas não posso me descuidar do ferro e das proteínas, já que eles estão perto do mínimo normal. De acordo com ela, minha perda de peso continua excelente.

Visitei a Ane, ela estava ótima. Deve sair na terça de lá. Fiquei apenas preocupada por ela estar sozinha, já que a mãe dela precisa cuidar das crianças. É bem dificil nos primeiros dias, até para tomar banho... e ela tá fazendo tudo por si só!! Que mulher corajosa!!! Merece estar bem como está. Adorei ver aquele maldito saquinho que em mim vivia cheio, nela está vazio. Ontem ela começou a beber água e hoje já deve estar tomando outros líquidos. Está menina vai ficar linda!!! Vai arrazar ainda neste verão!!

Sobre comida: fiz uma boa canja de galinha e passamos o final de semana nessa base - assim o arroz desce super bem. Coisa boa é uma canjinha de arroz, batata, cenoura e galinha... consegui comer quase uma concha cheia e não enjoei nem um pouco.

Beijinhos especiais:
- Lelê: que bom que atualizaste teu blog. Vou tentar fazer cuscuz, mas sem "aqueles" ingredientes que nossas famílias colocavam... Vou fazer uma versão light.
- Claudinho: ansiosos por tua chegada... o Pedro só pergunta quando o dindo chega? Faltam quantos dias?
- Jane: mana... quando vens para Canoas? Quero visita de novo!! É tão bom te receber... tua alegria é muito maior que a minha!!
- Maristela: bom saber que sirvo de estímulo para alguém! Reforça a vontade de escrever, porque sei que há gente que se importa comigo e com minha história! Quero continuar lendo a tua história!
- Ane: Guerreira!!! Mulher de fibra!!! Muito orgulho de ser tua amiga!!!
- Grazi: Que legal as novidades da tua vida. Tô sempre abrindo teu blog para saber de tudo.

Demais visitantes, aquele abraço!
Fiquem com Deus.

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Adeus três dígitos!!!

Inacreditável!!!! Saí da casa dos CEM!!!!!! Hoje pela manhã me pesei e vi 99.9 na balança. Gente, para mim é uma vitória... me faz sentir que estou mais perto do que nunca. Claro que já pesei muito menos que isso por anos e por várias vezes, mas há bastante tempo estava bem difícil ultrapassar essa marca. O maridovski falava em comemorar quando eu chegasse nessa fase, mas é difícil comemorar quando as possibilidades alimentares são restritas... comemoro por dentro, com alegria de estar viva e com saúde. Quando eu fazia vigilantes do peso, eu gostava de me comprometer com metas pequenas - essa foi a primeira, apesar de não ser tão pequena (26kg) - a partir de hoje as metas serão de 10 em 10kg.

Resumindo: Amanhã completo três meses exatos da cirurgia e já se foram 26,1kg!!!!!!

Outra coisa boa: peguei meus exames. Achei que iria dar alterações em tudo... mas não!!! Não sou expert, mas pelos valores de referência, estou bem saudável... pelo que vi, minhas taxas de vitaminas estão dentro do controle e acho que não vou precisar de injeções! Ufa, porque depois de ter meus bracinhos estraçalhados no hospital - eles ainda estão com marcas - tomar injeção agora seria bem doído.

Falei com a Ane agora a pouco. Ela já está no hospital e deve ser operada amanhã às 7h. Pensamentos positivos nesta hora!!! Sexta irei vê-la e darei notícias sobre a nova borboleta.

Amanhã tenho endócrina e saberei se meus exames estão bons mesmo.

Era isso.
Fiquem bem.

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Polenta - minha nova amiga

Pois é... descobri que posso comer polenta e não tenho ânsia nem a "baba de alien"!!!
No domingo fiz um molho de carne moída de frango e iria comê-lo puro, já que não consigo comer arroz ou batata, mas o maridão, sempre sagaz, lembrou que na lista da nutri havia polenta e que eu ainda não havia tentado - corri e fiz um pouquinho - bem básica, só água, sal e salsinha picada... cozi para ficar mole e arrisquei. Deu certo, consegui comer sem sentir nada ruim... tanto que repeti a dose por dois dias seguidos - provando que posso sim repetir o prato em outra refeição... falando nisso, o escondidinho de quinta à noite da minha irmã rendeu até o sábado, sempre descendo perfeitamente, tanto que hoje, repeti a dose, mas dessa vez comi apenas o purê de aipim com caldo de bife - definitivamente comer carne em pedaços está quase fora do baralho - mas o caldo é uma delícia - ainda bem que sei fazer um bifinho bem suculento para deixar bastante suco de carne, que é onde está a melhor parte da proteína animal.

A Gerusa pediu a receita do escondidinho: Basicamente é um purê de aipim (ou mandioca, como quiseres...) bem mole, para gastroplastizados evitamos manteiga, então coloca-se leite desnatado e requeijão light, coloca-se a metade do purê em um refratário, acrescenta-se o molho de tua preferência (antes da cirurgia fiz com atum, peixe desfiado, bacalhau) e cobre-se com o retante do purê. Levar ao forno para gratinar um pouco. Pronto, é só se divertir. Pode-se colocar queijo no meio, mas a busca por menos calorias continua, né?!

Aproveitando o momento receitas, na semana passada, fiz uma coisa parecida com um escondidinho, mas em vez do purê, usei pão. Peguei quatro fatias de pão de sanduiche, tirei as cascas, forrei o refratário, coloquei molho a bolonhesa, um pouco de queijo, mais molho e cobri com mais pão e passei requeijão light sobre essas fatias. Botei no forno por uns 15 minutos. As crianças enlouqueceram e o maridão terminou a noite raspando o prato!

Mudando de assunto - tá chegando o dia da cirurgia da Ane!! Amiguinha, força!! Só torço por ti e espero poder te ver no dia 27... tenho consulta à tardinha e tentarei aproveitar o momento para te visitar, tá?!

Nesta semana tenho endócrina e clínica. Levarei meus exames para elas verem... amanhã pegarei os resultados e já poderei ter uma idéia, já que normalmente temos os valores de referência para comparar. Espero não ter que tomar vitaminas na veia... mas se for o caso... às vezes esqueço de tomar as via oral... é muito chato... tudo tem que ser esmagado para ser engolido e o gosto é horroroso, dizem que as injeções são bem doídas...

Continuo tricotando, cada vez mais! Agora passei da fase das meias, faço casacos - tipo bolero - fiz para a minha filha, para minha sobrinha e agora estou fazendo para mim... vou começar paralelamente um tapete de retalhos que aprendi num programa, minhas costas me matam, mas não consigo parar... ô pessoa maluca!!!

Ai, a Lelê pede fotos... prometo que irei publicar nesta semana ainda... mas posso garantir que estou bem menor... hoje coloquei uma blusa bem decotada e coladinha, aproveitando o calor que tem feito.

Minhas cicatrizes: Cicarelli e Coiso. O que posso dizer? Nada bonitas de se ver. A Cicarelli é roxa, funda e grossa... o coiso parece um umbigo, é um buraco fundo ao lado da barriga... pareço uma sobrevivente de um massacre, mas agradeço a Deus todos os dias por estar aqui, viva, fora do hospital e conseguindo comer polenta!

Era isso. Beijos especiais para a Ane, Bruna, Gerusa, Lelê e minha maninha Jane (que é desnaturada e não veio mais me ver...)

Restante do povo, fiquem com Deus.

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Tricô

Pois é... recebi xingão da Gerusa... ando escrevendo pouco, né?!
Bom, para começar não há muita novidade na minha vida... e depois, tenho feito bastante tricô e isso me vicia... resolvi fazer umas meias de lã para meus filhos, fiz para eles, para mim, para o maridão e para minhas três sobrinhas... quando começo não consigo parar!!! Melhor do que ficar comendo, não é, meus amores? Claro que comer, no meu caso, seria um tanto difícil... mas para falar a verdade, fazem três dias que não vomito nem tenho "baba de alien".
Mas vamos descrever o que foi minha semana alimentícia:
Saí com minha amiga de infância Silvania, passei uma tarde maravilhosa falando muito, enquanto falávamos, comi 1/4 de misto quente (torrada para nós gaúchos) de queijo com café com leite, duas horas depois, tomei um iogurte natural - adoro comer na rua - já disse isso - me sinto normal ao escolher algo que não é feito por mim.
Fiz um patê de fígado de frango para comer com torradinhas (aquelas durinhas) e suco de laranja e isso virou meu lanche favorito dessa semana - os patês industriais estão proibidos para mim e o feito em casa é maravilhoso!!!
Comi, por várias vezes a lentilha que havia posto carne assada e de panela - desceu muito bem, mas no máximo posso comer torradinhas junto, nunca arroz! Quanto à carne, melhor comer apenas um pedacinho... ah, dessa vez não mais coei a lentilha - a nutri mandou coar porque dá gazes, mas em mim, não dá nada!
Ontem fiz um omelete (mais parecido com uma torta salgada) com brócolis, queijo e ovo - comi, mas não foi legal... me enjoou e foi difícil esquecer...
À noite, visitei minha irmã de POA, ela preparou um escondidinho de aipim com carne moída - GENTE, MARAVILHA!!!!! Tava tão bom, mas tão bom que trouxe um pouco para casa, comi no almoço de hoje e repeti no jantar!!! Não me deu nada, como se nem tivesse operado... é claro que comi umas duas colheres de sopa no total de cada refeição, mas só o fato de repetir no almoço e no jantar, já me fez feliz!

Ontem senti um certo desconforto no "coiso", depois de horas me dei conta que usava um sutiã com arame que ao sentar para tricotar apertava minha costela - as costelas ficam doídas quando os médicos usam ferros para abrí-las durante a cirurgia e as minhas ainda estão sensíveis, além do que minha camada de gordura está bem menor e por incrível que pareça, EU TENHO COSTELAS, e os pobres ossos agora começam a aparecer...

A "Cicarelli" mantém-se calada e recupenado-se, continua recebendo massagem e atenção.

Quanto ao peso - devem ter notado que por dias a régua não mudou - dizem que é normal no segundo mês - pelo menos li isso na comunidade dos gastroplastizados no Orkut - é pela introdução de alimentos sólidos e por proteção do oranismo. A perda de peso logo retorna e comigo, finalmente aconteceu... outro fator normal é a retenção de líquidos no período pré-menstrual e eu estava passando pelo meu.
Eu engordei não por comer coisas erradas, nem por passar comendo... meu problema principal era fazer duas refeições apenas... mas quando comia, comia como um animal faminto... fazia aquele pratão e mandava ver - e depois repetia - regado com muito refrigerante light para não engordar!!!
Meu corpo ainda se adapta. Fazer várias refeições, para mim, é complicado - depois da cirurgia pelo menos sinto dor quando está na hora de comer e isso me lembra na hora certinha de cada refeição... se não fosse por isso, continuaria com minha velha rotina - o que só poderia atrapalhar minha reeducação alimentar. Devemos fazer pequenas refeições durante o dia.

Ah, ontem coloquei uma outra calça velha que nem lembrava da existência... entrou como uma luva... tão bom!!! A calça que guardo - a que comprei para usar em SP e nem passou nas coxas - agora sobe toda, mas ainda não fecha... logo, logo!!!! Já disse que quero usar para depois ter que dar por ser grande!!!!

Povo, era isso, por hoje... estou com cólicas muito fortes - sempre as tive... oh, fase chata do mês!!! O melhor é ficar quietinha no sofá, tricotando...

Gurias, beijos em todas!!!
Fiquem com Deus.

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Aprendendo a comer

Cruzes credo... como comer é difícil... depois da cirugia, comer para mim é um ato de sacrifício.
O almoço e o jantar são um problema... meu paladar mudou, acho que já não amo mais o que amava antes... estou me tornando mais exigente... e chata! No final de semana, o maridinho fez uma carne assada - um vazio bem macio - o cheirinho se espalhou pela casa, fazia tempo que não sentia aquele aroma, na verdade a última vez foi a minha "despedida" de gorda... quatro dias antes da cirurgia, antes de iniciar a dieta pré-operatória. O pobre estava louco para comer uma carne e acertamos que iríamos fazer um teste.
A carne estava maravilhosa, mas engolir é difícil, no máximo desceu uns três pedacinhos e restante eu mastiguei muito e apenas engolia o caldo... foi bastante e me satisfez, comi junto um pedacinho de batata e foi perfeito. No domingo, tentei repetir - pronto, já me enjoou... depois de comer, fui ao banheiro e "chamei o hugo"...
Feijão, que deveria comer todo dia, é um suplício - já nem gosto do sabor! Arroz que era meu favorito, não me seduz nem no visual... Massas em geral eu gosto, mas depois me dão a famosa "baba de alien", mesmo mastigando bem e comendo pouco.
Hoje fiz uma carne de panela ao meio-dia, comi com batata - a batata já me enjoou!
Agora à noite, fiz uma lentilha, coloquei o resto da carne assada do marido depois de amaciada na panela de pressão, acrescentei ainda a carne de panela do meio-dia e temperinhos... servi com arroz, só olhei e me deu nojo... mas estava com "fome" (vontade de comer), acabei comendo um pouco da carne e tomei um prtao do caldo da lentilha, estava delicioso!!!! Não vomitei a baba, mas já não sei como será amanhã...
Já havia comentado, o café com leite e torradinhas com cream cheese light ou requeijão são meus alimentos favoritos!
Concluí que além da impossibilidade alimentar, no caso da quantidade e determinados alimentos, fiquei chatinha na questão do repetir o alimento, logo enjôo - minha mãe dizia que gente chata para comer era "partiosa" - então, agora, sou partiosa!
O Anderson acha que é psicológico, já que na rua comi coisas bem diferentes - por exemplo, na semana passada fui a um shopping em POA e acabei fazendo lanche numa cafeteria que tinha uma espécie de torta fria bem leve - de frango desfiado - descartei a parte de fora com maionese e comi o pão com o molho, foi perfeito! Realmente, na rua é mais fácil, talvez pelo fato de ser mais difícil ir ao banheiro e vomitar... além do que comemos e logo já saímos para caminhar pelo lugar e em casa a tendência é sentar-se, pressionando a barriga.

Mudando de assunto, dei nome à minha cicatriz grande também - é a "Cicarelli" - ela ganha massagem com óleo todo dia do meu amor, mas dessa "Cicarelli" não posso sentir ciúme, ela faz parte de mim, além do que ela namora o "coiso", que está ficando bem comportado fechadinho. Chato é quando os dois resolvem doer um pouquinho - normal para quem ficou sobre uma camada de micropore por tanto tempo e ainda se recupera bravamente. Haverá quem ache estranho dar nome às cicatrizes, mas nomeei os dois porque ambos viverão comigo para sempre, já que não desejo fazer plásticas - trauma de hospital, má cicatrização e a Cicarelli é tão grande que seria impossível escondê-la - além do que tenho que ter carinho por aquilo que está me transformando em uma saudável borboleta, ah, outra razão, é bom ter bom humor para tudo e eu, graças a Deus, tenho! A beleza está em tantas outras coisas... num olhar, num gesto, palavra e sentimentos... e nada que uma bela roupa, lingerie e uma boa penúmbra não resolvam!

Beijos especiais nas amigas:

Ane - virando borboleta dia 26... exatamente 3 meses depois de mim! Vai firme, vou te visitar lá, hein!

Léti- por ande andas, minha querida? Quando vais marcar novo encontro?

Lelê - amada, vamos marcar num final de semana... só que à tarde... adoro dormir pela manhã!

Maristela - como estão os exames? Marcaste com o meu médico?

Talita - senti tua falta, sim! Pensei que tu tinhas esquecido de mim! Vamos marcar de nos ver aqui em Canoas!!!

Micheline - chama logo a Meri e vamos fazer um lanche para conversarmos!!! Amei vcs!!!

Kika - muito legal te conhecer na internet... É por pessoas assim que vale a pena ter um blog!

Outros amigos, curiosos e afins... uma beijoca
Fiquem bem.

segunda-feira, 9 de agosto de 2010

E lá vamos nós...

Hoje vi meu médico... foi muito bom! Ele, que é tão sério (tímido), me deu um abraço ao me ver... Sim, depois de deixá-lo de cabelos em pé com minha pressão de gente louca, uma fístula chatinha, uma cicatrização complicada e um buraco que não queria fechar (o coiso), me reencontrar depois de um período de férias, com vinte e poucos quilos a menos, comendo a dieta branda, pressão estabilizada e com o coiso fechado... foi legal minha consulta. O Anderson foi comigo, eu tinha que fazer exames de sangue para ver como estão as vitaminas e estava em jejum, como o maridão é preocupado, me acompanhou em tudo.
Meu coiso se bobeou ontem... ele quis formar uma bolha, que já foi furada e expulsou mais soro... o Dr. Weston apertou toda a barriga e disse que estamos indo muito bem... principalmente por não estar nem ficando flácida, sobre o coiso, está ótimo e o que sobra é resquício de um buraquinho mínimo.
Neste mês completo 3 meses de cirurgia e normalmente se faz uma endoscopia de manutenção nesse período- meu médico prefere que só a faça ao completar 6 meses - depois da fístula, é melhor dar um tempo maior para total cicatrização interna do estômago.
Ontem foi o dia dos pais - passamos em casa com nosso filhos - cinco - os dois mais velhos são do Anderson apenas (George e Carol), mas como casei com o pai deles há tanto tempo, os amo muito e continuo chamando-os de nossas crianças (26 e 29 anos), mais os nossos dois menores e o gato, que é uma criança pequena e sapeca, apesar dos 14 anos. Faltou apenas a "nossa" nora, que não deixa de ser outra filha que arranjamos e amamos demais! Fiz um almoço vegetariano já que os mais velhos não comem carne... o especial é rolinho primavera assado(adaptado) com repolho, cenoura, cebola e alho refogados e enrolados numa massinha de pastel - agradou a todos... inclusive a mim, que não estava a fim de comer carne mesmo.
Minha nutricionista havia salientado o fato de evitar repolho por causar gazes, mas comi no almoço e no jantar e nada tive, pelo contrário, me alimentou bem, não me deu enjôo e nem baba de alien!
Ah, como havia saido em jejum para os exames, tive que tomar café da manhã na rua... pedi um café com leite (fraco de café) e uma torrada (misto quente) só de queijo - morri de medo, mas comi a metade e desceu super bem (deixei as cascas de fora por serem mais durinhas) - adorei! Senti que sou normal, já posso tomar um café na rua ou num hotel... quem já se operou deve entender isso, quem ainda vai se operar, vai entender - é uma sensação de liberdade, posso sair de casa que não morrerei de fome, nem vomitarei em lugares públicos - basta ir com calma!
Era isso.

Amadas amigas, continuem escrevendo!
Mantenham-me informada!
Beijos.
Fiquem com Deus.

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

O Coiso fechou

Parece que finalmente a novela "Jaqueline e seu coiso" está terminando... ontem ele amanheceu fechadinho, o Anderson tentou em vão e nem furá-lo conseguiu... ficamos na observação, nenhuma bolha surgiu... hoje sai, fui à Porto Alegre, visitei minha irmã (novamente), dirigi muito (forçando a porqueira), voltei para casa e ele permanece calado - Aleluia!!!!!!! Nada dói, exceto a pele que está queimada por dois meses e meio de curativos - mas isso passa, tudo passa - o pior já passou...

Hoje conversa com minha filha e chegamos à conclusão que o tempo é uma coisa muito louca... enquanto estava no hospital os dias não passavam, era um suplício a espera pelos finais de semana onde poderia ver meus amores... as horas na UTI então... é um exercício de paciência e bom humor - mas hoje, pensando no tempo total desde a cirurgia, faz pouco tempo (menos de 3 meses) e ao mesmo tempo, parece que tudo passou rápido, já estou comendo, me readaptando, como se já fizesse muito tempo... filosofias de almanaque.

Sobre minha alimentação - que dificuldade se alimentar... as refeições salgadas são as mais complicadas. Estou farta de feijão, lentilha ou ervilha... arroz me enfara, massa me enfara... hoje comi purê de batata com hamburguer feito em casa - no almoço foi ótimo, no jantar já me entalou. tento mastigar bem, ir devagar, mas ainda acho que é isso que me atrapalha...
Não consigo comer mais que uma colher de sopa de comida no total, assim, fico fraca logo depois de comer, antes de duas horas - sinto uma dor no peito e tremor nas mãos - descobri que isso é meu novo jeito de sentir fome - já até me assustei com isso, pois para quem tem pressão alta, dor no peito não é bom...
Quando tomo meu café da manhã ou da tarde, consigo ficar duas horas legal, sem dor, tremor - além de simplesmente amar essa refeição - uma torradinha com cream cheese ou requeijão com leite quentinho com um pouquinho de café docinho nesse frio que tem feito... hummm é bom demais!!!

Amanhã devo voltar a trabalhar - de leve... vou pintar um cabelo e fazer uma escova num cabelo bem lisinho e ralo... é bom me sentir normal a esse ponto e sei que não me fará mal, já que é um trabalho bem light.

Ai, gurias, que legal ler os comentários de vcs!!!

- Natália, eu tenho MSN, mas não me lembro nem da senha... por enquanto vamos nos escrever por e-mail... meus horários são loucos!!! Obrigada pela mensagem!

- Bruna, tudo vai dar certo, cada coisa tem sua hora, calma... sei como é isso! Vai no gastro como te falei no teu blog, nem perde tempo! beijoca.

- Gerusa, força... isso mesmo!!! Me mantém informada de tudo! Vou visitar as amigas no hospital!! Adorei ler tua mensagem! Obrigada mesmo e conta comigo!!

- Janinha... chique, hein... fugindo do frio... eu fujo do frio ligando minha estufa aqui na sala... pobre é f.... boas férias!!! Beijos da mana recortada.

- Anezinha... ai tá me dando um frio na barriga por ti!!! tá chegando a hora!!!! Minha amiga, me chama quando precisar!!! Quero saber bem de todos os detalhes e estar lá para te apoiar, como foi comigo! Beijos.

Amigos restantes - beijos em todos!
Fiquem bem!

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

O coiso tá legal

Fui no Dr. Guilherme hoje à tarde... o coiso foi aprovado, vai bem, obrigado e mandou lembranças! Brincadeiras à parte, meu buraco está praticamente fechado e curado, sai umas gotas de plasma (ainda vou virar uma TV, como diz o Cláudio), mas de acordo com o Dr. está perfeito e logo deverá fechar definitivamente. Fui muito elogiada pela perda de peso e mudança visível no formatinho do corpitcho... isso é bom!
Na segunda irei ver o cirurgião que me operou, o Dr. Guilherme quer que ele me veja, já que causei tanta preocupação, é importante que ele veja o quanto estou bem agora.

Hoje almocei na casa da minha irmã de Porto Alegre... legal comer na casa dos outros, a dieta branda dá essa possibilidade... matei a vontade de comer carne de panela - daquelas beeemmm macias, com cenoura, arroz e moranguinha - tudo somado deu uma colher de sopa, mas tava muito bom... nossa senhora!!!

Adorei ver que há gente nova lendo o blog!!!

- Dani, lembro bem de ti - já estavas bem elegante naquele dia... tudo de bom... já chegou no teu objetivo?

- Adri - gostei de te conhecer... teus 9kg estão ótimos, tudo vai ficar em pé... nem vais precisar de plásticas!!! Já te adicionei no orkut.

- Janinha, mana querida... és um incentivo em todos os sentidos! Te amo, mana véia!!!

Continuem escrevendo.

Beijos em todos.
Fiquem bem.

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Nutricionista surpresa

Hoje pela manhã tocou o telefone, era lá do CTO - houve um engano e eu deveria ter mudado minha dieta pastosa na semana passada e não na próxima semana... tive que ir lá na Santa Casa para pegar minhas novas liberações alimentícias!!!!!
Agora estou na dieta branda e devo ficar nela por um mês - não é uma mudança tão grande, mas há coisas que não havia, como bife, carne de panela, frango em pedaços... posso comer arroz de verdade (e acabei de comê-lo) com caldo de feijão, posso chupar laranja e bergamota, posso comer pão com requeijão (ou torrada com requeijão), as coisas não precisam ser amassadas, basta mastigá-las bem. Na verdade, é mais fácil decorar as proibições (temperos fortes, açúcares em geral, mel, sementes, refrigerante, sucos artificiais...). Cheguei em casa e fiz uma carne de porco na panela de ferro, arroz e feijão - comi a quantidade total de duas colheres de sopa e estufei (com direito a uma babinha de alien no final) mas foi tudo!!! O arroz não entalou e para mim isso é importante, já que é minha comida favorita.
Fui visitar minha amiga que se operou na sexta - ela tá ótima, foi por vídeo, já está consumindo seus líquidos direitinho e deve ir embora amanhã.

O coiso resolveu fechar hoje - ele expulsou a gaze que era colocada lá dentro, passei o dia com ele fechado, mas ao chegar em casa vimos que havia uma bolha bem pequena na superfície do buraquinho, o Anderson pegou uma agulha esterilizada (do teste de glicose) e furou ele - saiu mais um pouquinho de pus... que coisinha complicada! Tomei hoje o último antibiótico, não dói nada, mas sempre tem que sair uma coisinha do coiso... quarta tenho médico de novo - quero boas notícias, chega de remédios, chega de pus, chega de dor...

Era isso. Fiquem bem

sábado, 31 de julho de 2010

Remedinho bom...

Bendito remédio gigantesco que o Dr. me deu... o coiso tá morrendo seco!!!! Já não sai nada de lá e a profundidade do buraco, que antes não se sabia, já que era uma coisa (ou coiso) escura, sinistra... agora já é possível ver que o fundo, na verdade, eu não sei porque não olho para ele - me dá arrepios ver aquele buraco (vi no hospital, parecia um tiro) - o Anderson diz que não já não dá para chamar de fundo, pois já está ralo, bem na beirada - mesmo assim, prefiro não olhar... covarde!
Melhor de tudo é que não senti nenhuma dor mais... minha costela doia e agora tá tudo bem. Já consigo me mover melhor e na noite passada consegui dormir efetivamente de lado (eu fingia que tava de lado com um travesseiro nas costas e as pernas para o lado - doia até a alma e já tinha bolinhas saindo por toda pele) - dormi de lado mesmo, de conchinha com o maridão.
Ontem dirigi sozinha pela cidade, antes tinha que ter pelo menos uma das crianças para ter segurança.
Evoluções!!! Finalmente a cirurgia está deixando de ter sido apenas um inconveniente na minha vida. Quanto à questão de comer pouco - já estava preparada e acho isso o máximo. Hoje fiz uma sopa de capeleti com frango, só tomei o caldinho com um pedacinho de coxa desfiada (uns 80ml) e já fiquei estufada... noutros tempos teria comido uns três pratos da sopa, acompanhados de muito pão, queijo e até arroz - sem falar nuns dois copos de coca bem gelada durante a refeição - depois poderia arrematar a noite com uma barra de chocolate. Não sinto a menor vontade de voltar às orgias alimentares, fiz o que fiz com consciência da seriedade da operação, quase morri por várias vezes - não vai ser depois de tudo isso que voltarei a engordar por descuido do que como.
Hoje botei uma calça que não entrava nem a "pau", melhor - ela já tá grande na cintura!! Estou guardando a que comprei para levar para São Paulo (num post antigo conto da decepção) para setembro, acho que somente poderei usá-lá bem mais adiante, até porque não quero nada apertando minhas cicatrizes.

Amigos, obrigada pelo comentários - é tão bom ver que vocês leram o que escrevi, continuem assim.
Lelê, vou perguntar do Dersani - eu usei na época que amamentava e o seio rachou... é poderoso mesmo e não me lembrava! Obrigada, querida!

Beijos em todos
Fiquem bem

quarta-feira, 28 de julho de 2010

A mulher dos abscessos

Desde pequena tenho uma tendência a formar abscessos de pele... qualquer pêlo encravado vira um caroço enorme, sendo que fazer depilação para mim é um negócio muito arriscado... já tive que ir diversas vezes ao hospital (sim ao hospital!) para retirar bolas do tamanho de uma bola de tênis - meu marido diz que sou a mulher das bolas... já as tive nas axilas, na virilha, nas pernas, na barriga e em outro lugares que não vêem ao caso (ainda uso e usarei palavras como vêem - sou das antigas e dane-se a reforma ortográfica). Já colocaram dreno em quase todos os lugares anteriormente citados... o mais engraçado (ou trágico) foi na barriga, logo abaixo do umbigo - imaginem eu com uma mangueira durinha num local meio indiscreto... horrível!
Minha cicatrização nunca foi muito santa... demora a fechar, inflama, cria abscessos...
Bom, pelo andar da carruagem, vocês já podem imaginar o que ocorreu hoje...
Fui ao Dr. Guilherme Bassols, o cirurgião que auxiliou o meu cirurgião(que tá de férias) - ele olhou o famoso buraco do dreno que foi cuspido ainda no hospital (na época da fístula) e constatou que o "coiso" (vou chamá-lo assim a partir de hoje) inflamou e criou um abscesso...
Poderia haver algo mais óbvio que isso? O "coiso" tinha que dar uma incomodinha, né?! Graças a Deus, não é nada demais... mas é claro que como sempre tem que haver um pouquinho de sofrimento - o "coiso" já estava fechando, na verdade ele resolveu ficar tímido no dia do médico e fechou - daí... a secreção que tinha que sair se acumulou e criou o tal abscesso.
Adivinhem o que ocorreu? O Dr. abriu ele - com bisturi e tudo, tudo não: sem anestesia!!! Coisa fofa!!! se a mãe do doutor imaginasse o quanto pensei nela naquela hora... mas saiu muita coisa do "coiso"e aliviou um pouco a dor que eu sentia ao redor do furo... mas não parou por aí - ele decidiu apertar o coiso... nessa hora pensei na mãe do doutor de novo (pobre senhora).
Ele falou em colocarmos um dreno no buraco.
- HÃ????? Tá brincando? Bem capaz!!!!! Sem anestesia???? Nunca... deixa meu "coiso" assim!
Ele deixou, mas fez eu e o Anderson prometermos que iremos apertar o "coiso" sempre que formos fazer o curativo, mesmo assim, ele abriu um pouco mais com o bisturi, o suficiente para enfiar a gaze do curativo lá dentro (tão bom...) - além de me dar um antibiótico indicado para isso.
Quanto ao antibiótico - pensei que iria ser algo líquido... ledo engano!!! É comprimido (que como as vitaminas deveria ser chamado de expansivo)... melhor, é um vasta comprimido, tão grande, mas tão grande que é moído e só consigo engolir em duas etapas dissolvido em água... e para completar tem um gosto de peixe podre - uma delícia!

Bom, mas como havia falado no post anterior, desencanei... sei que não é difícil para quem teve fístula, ter esse abscesso - estou medicada, "curativada" e semana que vem devo voltar lá para o Dr. ver o "coiso".

Era isso por hoje.

Fiquem bem.

segunda-feira, 26 de julho de 2010

Dois meses

É, hoje faz dois meses que me operei. Estou muito melhor, mas ainda não dá para dizer que estou 100%, há curativo no buraco do dreno, que ainda insiste em incomodar... nessa semana ele resolveu vazar um pouco mais que deveria, falei com meu outro médico (o original tá viajando), contei como está a coisa e ele me tranquilizou, de acordo com ele, fístula não pode mais ser, seria uma leve inflamação no buraquinho do dreno... poderia ter ocorrido pelo uso da pomada que o outro indicou... já parei de colocar a pomada e já está melhorando - não tenho febre e dói muito pouco bem na borda do buraco. Isso tudo me impede de ter um "aniversário" melhor... mas tudo está se ajeitando!!! De qualquer forma, marquei consulta com ele para quarta, melhor vê-lo para desencanar de vez.

Sobre as comidas, voltei a comer carne de gado e não passei mal!!! Ontem fiz purê de aipim, carne moída com molho e caldo de feijão e tudo desceu muito bem - detalhe importante: foi a mesma comida que dei para minha família (eles comeram arroz junto). Quanto ao arroz, como li que muita gente entala com ele, estou adiando, até porque não me fez falta ainda (o que é um milagre, pois se engordei na vida foi porque comi muito arroz, na verdade, comi o arroz de um país inteiro durante minha vida) - ah, lembrei, comi arroz sim!!! Fiz um canjinha de arroz, batata, cenoura e frango na sexta e foi maravilhoso, mas não considerei o arroz porque na canja fica mais papa que qualquer outra coisa...
Hoje eu tava com desejo (não, eu não tô grávida - até porque desceu a menstruação depois de um mês de atraso - normal para quem passou por tudo aquilo) de comer bife - acho que a vizinha estava cozinhando e senti o cheiro - fiz um bifão bem suculento com caldinho da própria carne, peguei só o caldo e servi com duas colheres de sopa de purê e mandei ver - UI, AI, NOSSA, nunca comi nada tão delicioso!!! E o maridão ganhou um bife com queijo dentro do pão de surpresa... agora, para terem idéia de quanto eu como, sobrou meia colher do purê com caldo e ainda senti que comi um pouquinho demais. No momento estou esperando passar uns 20min para poder beber uma água geladinha (amo, amo, amo!).

Eventualmente, quando como demais (tipo uma colherada de chá a mais), coloco para fora aquela espuma de saliva que havia comentado - descobri que o pessoal no orkut chama aquilo de "baba de alien" - mas já estou pegando o jeitinho de comer e raramente o olho pede mais uma colheradinha, daí é só ir ao banheiro, golfar (que nojo) a baba e tô bem novamente.

Dia 30/07, minha amiga Célia irá se operar com o Dr. Natalino, lá na Santa Casa. Estou ansiosa por ela, nós nos conhecemos na sala de espera da Comissão de Ética do nosso plano de saúde - em dezembro do ano passado. Pretendo ir visitá-la no hospital, foi bom ver as carinhas das amigas quando eu tava lá!!

Era isso, hoje eu e o maridão estamos sós - as crianças foram para a casa da vó, passar o dia da vó com minha mãe.

Beijos em todos
Fiquem com Deus.

quarta-feira, 21 de julho de 2010

Mais fotos



Aqui estão duas fotos bem distintas.

Uma foi tirada no dia que voltei para casa em junho e depois tive que retornar para o hospital - dá para ver que eu definitivamente não estava nada bem.


Depois, uma foto tirada hoje, com meus dois amores comigo. O retrato de uma mulher feliz!

Beijo em todos.

Fiquem com Deus.


















































Fotos





Bom, está na hora de colocar algumas fotos tiradas antes e depois da cirurgia.

Já dá para ver algumas diferenças, acho que de tudo o que perdi até agora, metade foi em bochecha e papada!

A roupa preta, mania de gordo, não demonstra exatamente as curvas do antes e depois, parece tudo igual, mas sinto uma leveza na barriga.




















segunda-feira, 19 de julho de 2010

Variações da receitas

No final de semana não resisti as receitas da Lelê e acabei fazendo a tal massinha e o kibe... comi um kibe e um pouco da massa... tava uma delícia! Tenho apenas que controlar a quantidade que faço - os kibes (deu uns 15, fazendo meia receita) eu congelei já assadinhos, servem até como lanche e o pessoal aqui de casa provou e aprovou - já a massa, hoje botei fora o restante, isso que fiz um ninho pequeno e comi em três refeições, mesmo assim, acho que sobrou mais da metade.
Agora à noite, fiz uma sobrecoxa de frango grelhada, mas bem suculenta e conforme sugestão da Dani (que se operou dois dias depois de mim e depois me visitava no hospital), apenas desfiei a parte interna que iria comer (um pedaço de 3 por 3cm)m comi junto com um purê de batata (1 col de sopa). Estou sentindo que comi uma vaca e ela ainda tá com a ponta do rabo entalada na minha garganta - se pudesse tomar uma aguinha, garanto que o rabo descia... mas devo esperar uns 20min para poder beber.
Para lanches, hoje comprei vários tipos de iogurte - Graças a Deus não tive problema com laticínos!!! A Nutri autorizou e hoje me detive na frente das prateleiras dos iogurtes e encontrei coisas ótimas... amanhã vou fazer uma sobremesa de gelatina de morango com iogurte - minha família pode comer também. Outra coisa que consigo comer bem é leite com pouco café (o mínimo) e uma bolacha água e sal molhadinha nele.
Resumindo - as refeições salgadas são mais complicadas, sempre fico cheia - isso que como até menos da metade do que deveria comer. Os lanches descem bem, já consigo tomar 100ml de iogurte bem líquido (bem devagar, é claro) ou 80ml de iogute com frutas (meu favorito).
Confabulando com outras pessoas, nos damos conta que meu estômago ficou muito tempo vazio depois da cirurgia, por isso é mais difícil para ele se alargar como os outros... devo ter mais paciência.

Lelê - a laranja do meu suco é comum, mas bem diluída em água para ficar bem ralinha. Vou bater tomates no mixer e seguir teu conselho dos molhos.

Beijos em todos.
Fiquem bem.

sábado, 17 de julho de 2010

Buscando receitas

Estou na fase da busca de receitas para a dieta pastosa...
Minha amiga Helena (Lelê), que está sendo um anjo para mim, já que me deu dicas no pré operatório e agora me dá dicas e receitas ótimas no pós!!
Minha nutri foi muito restritiva nas opções da pastosa e me deixou meio sem opções de cozimento - logo eu, que amo cozinhar e usar temperinhos diversos! O problema não é que ela tenha proibido coisas, mas também não permitiu... daí fiquei na dúvida e me dei mal - quando comi carne moída apenas cozida com sal - podia ter colocado temperos naturais, até um pouco de cebola, alho e molho de tomate - hoje quero comer massa cabelinho de anjo com molho ou kibe de atum com batata (tudo receitinhas da Lelê)! Hummm, coisa boa...
Graças à internet, conheci gente legal que me dá apoio e dicas porque têm mais experiência que eu, assim como já estou à caça de receitas em sites e blogs de gastroplastizados como eu.
Agora a pouco comi meio polenguinho light com suco de laranja- não tinha na lista da nutri - mas vi que vários operados comem isso na pastosa - adorei, caiu bem, não enjoei e me senti alimentada.

Gente, minhas roupas estão ficando enormes!!! Não deveria me pesar com muita frequência, mas ganhei uma balança linda da minha mãe e não resisto... sei que haverá momentos de estagnação, mas isso faz parte e não vou me desesperar - não me peso todo dia, mas pelo menos duas vezes na semana.

Pessoal que tiver dicas, receitas ou qualquer outra coisa a dizer, por favor, sintam-se à vontade!

Recadinhos:

Lelê, és minha personal nutricionista!

Jane, vem me ver mesmo - só saio rápido às 17:30 para pegar a Manô, mas em 10min tô de volta.

Beijos.
Fiquem bem.

quarta-feira, 14 de julho de 2010

Descobrindo sabores

Gente, estou amando essa fase, é a descoberta de sabores, como um bebê...
Definitivamente a papinhas da Nestlé (podia ganhar um dinheiro pela propaganda) são tudo de bom... hoje comi uma de feijão com legumes e beterraba - achava que iria estranhar, mas acho que essa será minha favorita - comi meio potinho pequeno e me satisfiz, realmente a cirurgia faz efeito - quando imaginei que duas colheres de sopa de papinha infantil seriam como se eu tivesse comido um pratão de comida?
À tarde, comi meio pote de iogurte Activia com pedaços de pêssego e ameixa (indicados pela nutri), é maravilhoso sentir os pedacinhos de fruta e mastigá-los bem. Uma das recomendações é a boa mastigação - até isso para mim é novo, já que eu parecia uma avestruz engolindo tudo inteiro... agora o alimento me dá um prazer diferente, primeiro nas novidades dos sabores, depois no fato de ter de mastigá-los, usufruimos mais do sabor porque ele fica mais tempo na boca, sendo absorvidos pelas papilas da língua - deveria ter aprendido isso antes de me operar.
Pela manhã, comi a papa de pão de sanduiche (iche) sem casca com leite quente - não gostei muito - a nutri disse que podia ter posto bem pouquinho de café para dar um sabor, mas fiquei com medo e arrisquei comer só adoçado - sem graça - tive medo de botar café, já que antes da cirurgia, café me aumentava a acidez estomacal - mas devo tentar logo, já que tomo remédio para diminuir a tal acidez.
Amanhã tomarei leite ou iogurte com aveia, vou experimentando as sugestões da nutri... é tão bom isso!!! Já me sinto bem mais forte, não tive mais aquela dor que acho ser fome, nem tremedeira.

Recadinhos:
Grazi, que coisa esquisita aquela espuma, né? Saliva do mar, ahahahaha. Ainda tens isso?
Ane, agosto??????? Tem data?????? Me conta tudo!!!!!!
Micheline, Meri? Cadê vocês?
Jane, maninha... vem me ver, sua bruxa!!
Hermann... tchaca ainda ama você!
Demais amigos... escrevam, por favor!!!

Beijos em todos.
Fiquem com Deus.

terça-feira, 13 de julho de 2010

Yes, yes, yes!!!!!!

Ontem não escrevi porque simplesmente Canoas estava um caos sem luz, ou em meia fase como aqui em casa, então não podia ligar o micro para contarvos (ai que chique...) as notícias.
Sim, definitivamente o meu buraquinho (olha o pensamento maldoso...) está fechando e o que sai dele é apenas dele mesmo, não é do mal, é normal e já está fechando ou seja... POSSO ME ALIMENTAR!!!!!!
Ontem mesmo comecei a maratona de alimentos... com muita dificuldade e depois de muito chorar de emoção e medo, almocei um purê de batata, purê de cenoura e guizado de carne de gado. Deveria ter posto uma colher de sopa de cada uma das coisas, bem como uma colher de sopa de feijão junto, mas não tinha feijão na hora e comi menos que uma colher de sopa no total... meu Deus, que difícil recomeçar, comi usando uma meia colher de café bem pequena, mastigava bem cada vez para poder engolir e logo me senti estufada e enjoada. Passei a tarde me sentindo um botijão cheio, não consegui fazer o lanche da tarde (pãozinho molhado no leite ou fruta amassada), apenas tomei meus velhos e conhecidos líquidos, agora posso tomar até 100ml (tomei uns 70ml), os líquidos entram bem fácil, mesmo enjoada.
À noite, fui jantar o mesmo da manhã, CRUZES... não consegui comer nem meia colher de sopa, comecei a tremer de enjôo, senti um sufocamento e ânsia de vômito... fui ao banheiro e chamei o "Hugo", estranho (mas já sabia pela nutricionista que isso era normal), vomitei apenas uma espuma branca, o enjôo diminuiu, mas não pude comer nada sólido depois, voltei para os líquidos até a hora de dormir.
Hoje, era um desafio... Como não comer? Eu preciso!!! Eu quero!!! Eu já sinto fraqueza!!
O Anderson havia comprado papinhas da Nestlé, apesar da nutricionista não recomendar, tinha que tentar... as crianças comem isso, a Manoela se criou comendo muitas dessas papinhas...
Detalhe importante: a papinha é com frango e não com carne!!! DEU CERTO!!!! Comi umas duas colheres de sopa até o fim e adorei. Duas horas depois comi frutinhas amassadas e não senti enjôo, dor, nada!
Depois disso me lembrei de algo: Quando acordei da cirurgia, sentia muito gosto de sangue na boca, cuspi litros de sangue seco e fedorendo(me dá até náusea em lembrar), eu dizia para as enfermeiras: "Acho que lambi um açougue velho e sujo" - sentia o gosto e o cheiro era de carne passada - aquilo me dava muito nojo e cheguei a dizer que podia ser que virasse vegetariana a partir dali, tamanho era a ânsia que eu senti.
Lembrando disso, vi que ontem o gosto do guizado me lembrou aquele gosto... apesar da carne ser de primeira e ter sido moída por mim mesma.
Conclusão: Vegetariana agora ainda não virei, mas fugirei da carne de gado por enquanto... até porque quando penso na carne de panela da minhã mãe...hummmm - não poderei evitar! Há outras opções dadas pela nutri, como frango, fígado, atum (ralado em água) e ovo mole... como gosto de tudo isso - vamos lá!
A dificuldade agora é o número de vitaminas que tenho que tomar... são três tipos, sendo que há repetição. Os comprimidos deveriam ser chamados de expandidos, já que são quase do tamanho de um dedo de criança. O meu amor, atensioso como sempre, mói tudo prá mim, já que engolir ou mastigar aquelas coisas me dão um troço (sei que devo mastigar, mas ainda não acostumei).
A parte boa é o aumento da quantidade de líquidos, que posso tomar com os "expandidos". Tudo agora é entre 50 e 100ml... e já estou conseguindo beber uns 80ml, devagar, mas consigo!!!
Ah, bom também é o espaço entre as refeições que agora é de 2h... agora dá para dar uma saidinha e não ter que levar lanche, dá para tirar um cochilo e não ser acordada para beber algo, dá para ver um filme inteiro e não ter que levantar para preparar um suco.
Bom, pode-se ver que finalmente estou colhendo os frutos positivos da cirurgia... as fases estão passando e posso me considerar curada, além do mais lógico - o emagrecimento, que de acordo com os médicos e com a nutri está excelente!
Depois disso tudo, depois de estar curada - posso dizer que não sou uma pessoa de sorte apenas, sou uma pessoa abençoada, uma pessoa amada por muitos e que ama os amigos, os parentes, a vida e Deus!

Obrigada a todos.
Fiquem bem.

domingo, 11 de julho de 2010

Amanhã: 1ª Consulta pós

Amanhã tenho consulta com a nutri, com a clínica e com o cirurgião... demorou para chegar esse dia, duas semanas de líquidos depois de sair do hospital não é fácil, imaginem para quem teve que ficar mais de um mês no hospital e no meio disso tudo, recomeçar a dieta líquida...
Com esse tempo já decorrido da cirurgia, posso dizer que fome efetiva não sinto, mas já começo a sentir os efeitos da demora do alimento (no caso líquido), sinto uma dor diferente no estômago, além de uma tremedeira misturada com fraqueza, mas basta tomar meus 50ml de líquidos (neste caso, prefiro iogurte ou gatorade) que logo passa... pareço um bebê, passando uns10 minutos da hora de me alimentar, já "choro". Há também mais um motivo disso tudo, tive que parar de tomar o "ferro" (cuidado com os pensamentos errôneos), a clínica me receitou 20 gotas duas vezes ao dia, mas basta engolir, para sentir como se tivesse engolido vidro, dói e me enjôa demais... já tentei beber coisas em cima para ver se não sinto isso, mas somente o enjôo passa, a dor continua - e como dor eu NÃO QUERO MAIS!!!!!, prefiro falar com ela sobre isso.

Estou ansiosa, nervosa, com medo de comer - mas ao mesmo tempo só penso em comer tudo o que for liberado nessa nova fase... para mim é a confirmação de que me recupero como qualquer um.
O medo de ter que voltar ao hospital me persegue... ainda estou frágil e traumatizada, até porque ainda faço curativos (um na cirurgia, onde inflamou e outro no lugar onde era o dreno). O lugar do dreno me perturba, ainda sai um pouco de pus do lugar, como já vazou ácido estomacal dali, tenho receio de qualquer aumento de volume (graças a Deus isso não ocorre), dizem que o pus sai porque está fechando de dentro para fora e o buraco tinha mais que 20cm de profundidade, o ácido inflamou o lugar e agora demora um pouco para fechar totalmente... antes era um buraco bem redondo, agora é um risco, metade já fechado e a outra é por onde sai o pus, que no curativo não ultrapassa a primeira camada de gaze (bem pouquinho) - como a neurose em pessoa é maluca (eu), enquanto não fechar tudo e não secar mesmo, ainda vacilo e deliro. Por isso, vai ser bom ver meus médicos.
Borboletas Lelê, Grazi, Léti e outras- pena não ter ido ao encontro, mas no próximo, se Deus quiser, irei!

Meninas, obrigada pelos comentários!!!
Beijos em todos.
Devolvo a todos os votos de saúde.
Fiquem com Deus.

terça-feira, 6 de julho de 2010

Loura... bem melhor!

Neste momento onde estou me recuperando, me dei conta que definitivamente o cabelo escuro que pintei antes da cirurgia não estava me dando muita sorte... assim, resolvi voltar ao meu original de fábrica - bem, nem tanto, já que nasci loura, não mechada - mas como é bem mais fácil fazer mechas do que clarear um cabelo escuro por tinta, mechada estou!!! Gente, parece que me achei, o fato de ter ficado abatida com a cirurgia e de já ter emagrecido 16kg, eu não me reconhecia, minhas olheiras (não orelhas!) parecem maiores com o cabelo escuro e a pele muito branca... assim, viva meu velho eu!!! A cabeleireira que fez o trabalho é tudo de bom, muito profissional e nos demos muito bem - quem sabe possa surgir uma parceria mais adiante...

Mudando de assunto, tirei o saco (que frase estranha para uma mulher...). O Anderson resolveu tirar porque a quantidade drenada é mínima (+ ou- 1ml ao dia) e a cola do saco ficava repuxando meu buraco (que frase estranha para qualquer um...), fazendo doer. Notamos que o saquinho parecia piorar a situação, acho que o que sai dali é apenas pus da incisão que não consegue fechar porque a cola não permite... depois da retirada, o que era um buraco, virou um risco, as dores locais (na pele ao redor) diminuiram bastante e pude colocar até um jeans (cintura baixa e largo) com uma camiseta, já que o curativo é bem mais discreto que um saco pendurado na barriga.

Minha contagem regressiva agora é para a próxima segunda, onde verei meus médicos e pegarei a fase dois da dieta com a nutri - isso é que me interessa - já que essa fase é muito chatinha... principalmente para mim, que um dia a comecei, parei... voltei ao hospital e tive que recomeçar tudo de novo... Tá, vou parar de reclamar, já que bebo coisas que gosto, a fase é curta e o mais importante de tudo - EU TÔ VIVA!!!!!!!!!!!

Beijos, beijos e beijos em todos.
Que Deus dê em dobro ou em triplo para vocês tudo o que vocês querem para mim!
Fiquem bem.

domingo, 4 de julho de 2010

Tudo bem

Hoje venho rápido para dizer que tudo está dando certo! Deus está atendendo minhas preces e o tempo está passando e a cada dia mais fortalecida estou... fisicamente e emocionalmente. Agora sinto como se meu verdadeiro eu, anterior à cirurgia, tivesse retornado. Hoje, pela primeira vez, senti que parecia que nem havia feito a cirurgia... amanhã, se Deus quiser, tirarei a bolsa do dreno e ficarei melhor ainda.
Deveria voltar a dirigir amanhã, mas voltei ontem mesmo, estava bem, sem dores, meu carro tem bastante espaço e direção hidráulica, a única coisa ruim foi o motivo... fomos à missa de sétimo dia de uma grande amiga (visinha e ex sogra) - tia Diolinda - ela partiu repentinamente enquanto eu ainda estava no hospital e ninguém me contou nada (por motivos óbvios)... fica aqui meus mais sinceros sentimentos à família e uma enorme saudade das nossas conversas... que a paz esteja com todos.
Obrigada pelas mensagens.
Fiquem bem.

quarta-feira, 30 de junho de 2010

Lar doce lar...

Ganhei alta ontem, dia 29/06... não atualizei o blog porque tinha tanto o que fazer com meus filhos, marido e gato que não deu tempo de conectar na internet.
Ainda estou em recuperação, inclusive com a bolsinha do dreno na barriga... ainda sai algo dali (1ml ao dia) , provavelmente líquidos do próprio buraco, já que o médico diz que a fístula está fechada, e antes eu cheguei a drenar 150ml. Isso me dá uma agonia, um medo, insegurança... passo rezando muito, quero que isso pare logo, daí poderei tirar essa porqueira e colocar um curativo normal.
O Dr. liberou a direção para a próxima segunda, UFA!!! Dirigir para mim é algo do dia a dia, levo as crianças para a escola, busco, vou ao mercado: Vida normal!!!!
Um primo distante colocou um recado no orkut e publico aqui, já que depois de tudo isso, reencontrei Deus e Nele busco paz, paciência, sabedoria e saúde.

"Deus não trabalha na ansiedade do homem.
As coisa acontecem na hora certa!
As coisas acontecem exatamente quando devem acontecer!

Momentos felizes, louve a Deus. Momentos difíceis, busque a Deus.
Momentos silenciosos, converse com Deus.
Momentos dolorosos, confie em Deus.
Cada momento, agradeça a Deus."

Obrigada por tudo.
Fiquem bem. Fiquem com Deus.

segunda-feira, 28 de junho de 2010

Só mais um pouquinho...

O Dr. veio ontem aqui e disse que apesar de parecer estar tudo fechado e conectado direitinho, ele quer me observar por mais um ou dois dias aqui no hospital. Ele, inclusive, me deu um copo de 50ml de água azul para eu tomar e ver se não vazaria - Não vazou...
A vontade de sair do hospital é enorme, mas se for para ir e voltar para cá novamente, prefiro ficar aqui mais uma semana! Não quero me decepcionar outra vez. Paciencia é a palavra!
Continuem torcendo.
Obrigada pelas mensagens.
Fiquem bem.